Giane Guerra: Fábrica gaúcha de brinquedos de papelão exporta pela primeira vez

Brinquedos de papelão produzidos em Porto Alegre foram exportados pela primeira vez pela empresa Eu Amo Papelão. O embarque foi para o Chile, em maio. Foram enviados 315 brinquedos.

– Um distribuidor chileno comprou todos os modelos de brinquedos para expor em um evento. – explica a sócia da empresa gaúcha, Simone Menda.

Mas Simone antecipa que já há outras negociações. As mais avançadas envolvem embarques para outros dois países.

A Eu Amo Papelão nasceu em 2013, em Porto Alegre. Produz brinquedos e móveis em papelão. Comercializa pela internet, em uma loja em Porto Alegre e também distribui para outras lojas revendedoras. Mas o comércio online responde por 20% das vendas.

A ideia do negócio partiu de uma necessidade do casal Thiago Costa e Simone Menda de curtirem mais momentos de interação com os filhos Renato e Roberta, na época com 6 e 3 anos. A empresária explica que há uma inspiração em pedagogias mais alternativas, como Montessoriana e Waldorf, que tentam resgatar brinquedos mais simples e que usem menos tecnologia.

A ideia é que as crianças montem, pintem e desmontem os brinquedos. Junto com os pais.